Fechar [X]

Aplicativo transforma celular em scanner 3D

Com coleta de dados, mapeamento de ângulos e fotos 2D, o processo acontece em tempo real

0
notas
0
likes
0
Tweets
0
Pin it
0
notas
0
likes
0
Tweets
0
pin it

Lev Manovich já havia percebido o meio fotográfico como um “incrivelmente resistente código de representação”. Ou seja, apesar das mudanças tecnológicas, a fotografia persiste popular. Suas transformações ao longo do tempo nos obrigam a repensar suas variações e seu estado hoje e amanhã. Depois de décadas, deixamos de carregar câmeras tradicionais para simplesmente clicarmos tudo o que estivesse à frente com o celular. A combinação de filtros, apps de edição e compartilhamento via redes sociais tem transformado cada vez mais o ato de fotografar. Agora, com o advento do 3D, para onde vamos?

O processo de transformação para imagem 3D acontece em tempo real, com feedback imediato a partir dos diferentes ângulos mapeados.

Pesquisadores na ETH Zurich estão desenvolvendo um aplicativo que transforma dispositivos Android em ágeis scanners 3D. Para usar, basta abrir o app e mover o celular em torno do objeto escolhido, captando ângulos e perspectiva. Enquanto isso, o software bate diversas fotos automaticamente, extrapolando a geometria do objeto e mapeando bits e partes de todas as fotos 2D. Juntas, estas informações resultam em uma figura 3D.

Construir objetos 3D a partir de múltiplas fotografias não é novidade. Já vemos diversos artistas usarem o Kinect, por exemplo, para mapear objetos, lugares e pessoas, buscando resultados em figuras com volume, ângulos e perspectiva. Mas o que torna este aplicativo diferente é a possibilidade de fazer tudo isso em tempo real, sem a necessidade de qualquer outro equipamento, tecnologia ou edição.

app3d-1
app3d-2
app3d-3
app3d-4
app3d-5

É possível não somente criar figuras 3D a partir de objetos do mundo real, como também navegar por seus diferentes ângulos.

Como podemos ver, o resultado já é de boa qualidade. Segundo os pesquisadores, a precisão vem de técnicas de reconhecimento visual da geometria, além do entendimento de como a posição relativa da câmera muda de acordo com o objeto, usando dados do acelerômetro do celular.

Entendendo a natureza do ato de fotografar e suas transformações ao longo do tempo, vemos como a fotografia hoje está reconfigurando a cultura contemporânea, deixando de ser apenas portátil e fluída, mas também cada vez mais próxima do real. Democratizando o poder das ferramentas como Makerbot Digitizer e 3D Systems Sense, tecnologias como essa oferecem novas possibilidades de transformar qualquer objeto do mundo real em figuras digitais vivas em nossas mãos.

O aplicativo está disponível aqui.

LEIA TAMBÉM
COMENTE