Instalação pública em Londres cria a ilusão de pessoas suspensas em uma casa

Projeto para o London Festival of Architecture 2013 usa jogo de reflexos para falar sobre percepção e espaço

0
notas
0
likes
0
Tweets
0
Pin it
0
notas
0
likes
0
Tweets
0
pin it

Que tal escalar as paredes de uma casa, magicamente se pendurar de cabeça para baixo ou pular de janela em janela como o Homem-Aranha?

Leadron Erlich celebra a ilusão e a percepção dos habitantes da cidade como papel principal para criar novas ideias que revivam o capital histórico de Londres.

Esta nova instalação do artista argentino Leandro Erlich, Dalston House, deixa os visitantes se deslocarem por uma fachada horizontal enquanto enxergam seus reflexos capturados por um gigante espelho, pendurado na parte de cima em um ângulo de 45 graus.

Uma ação patrocinada pela Barbican em Londres, a instalação cria a ilusão de uma casa com pessoas suspensas, num efeito visual de leveza instantânea, como se não houvesse gravidade.

A casa, de estilo vitoriano, foi erguida em Hackney em um terreno vazio que permaneceu em desuso desde que foi bombardeado durante a Segunda Guerra Mundial.

barbican-1
barbican-7 barbican-3
barbican-8
barbican-5 barbican-6
barbican-4

O projeto tem por objetivo revelar potencialidades latentes dentro da cidade, em particular as suas áreas públicas e em desuso, aumentando o acesso da população e sugerindo usos alternativos e positivos, que tragam benefícios aos que vivem nos arredores.

A instalação é parte do London Festival of Architecture 2013 e continuará aberta até 4 de agosto, acompanhada por bate-papos, workshops e performances ao vivo que exploram o tema do projeto, incluindo arquitetura histórica, urbanismo e percepção.

 

LEIA TAMBÉM
COMENTE