Brilhante comercial da PETA contra o uso de animais no cinema e na publicidade

Campanha apresenta o problema e a solução ao mesmo tempo

0
notas
0
likes
0
Tweets
0
Pin it
0
notas
0
likes
0
Tweets
0
pin it

Quando a PETA faz publicidade, geralmente apela para a polêmica e/ou sensualidade para chamar atenção. Eu acho é bom, mas seus comerciais quase sempre são vetados pelas próprias emissoras. A intenção é mesmo essa, já que a ONG certamente não poderia bancar o preço da veiculação, e com o “banimento” consegue gerar buzz online.

Porém, um novo e brilhante filme da organização que defende o tratamento ético aos animais, merece muito mais do que a clandestinidade. Bastante audiência e Leão de Ouro, eu espero.

Criado pela BBDO de Nova York, o comercial apresenta o problema e a solução ao mesmo tempo, pedindo para que nunca mais se use animais na indústria de entretenimento, tanto no cinema como na propaganda.

PETA

Um chimpanzé confinado em uma sala faz o alerta, com narração do ator Adrien Brody. Forçados a trabalhar por décadas, são roubados de seu habit natural, separados da mãe, torturados e abusados, até que são descartados em algum zoológico qualquer, onde passarão o resto da vida presos enquanto famílias chamam isso de diversão.

Feito completamente em computação gráfica, o comercial termina perguntando: “Você conseguiria viver essa vida?”, lembrando que macacos são 98% humanos (e mesmo que não fossem). A campanha inclui também o site com uma petição: greatapepledge.org

Segundo a própria agência e a produtora The Mill, o roteiro já estava pronto há anos, mas foi adiado por causa do lançamento de “Planeta dos Macacos: A Origem”, já que o CGI do comercial deveria ser tão bom quanto o do filme.

Assista abaixo o making of:

VIA AdWeek
LEIA TAMBÉM
COMENTE