COMENTE
  • mauricio

    Na boa…. gerente que escreve "logomarca" já nem merece que leiam o resto da justificativa.

    • Dudu Gomes

      Boa, Mauricio!

    • Roberta

      sabe que tem diferença entre logomarca e logotipo, né? certamente, isso do boticário é um logotipo. já do google, seria logomarca.

      • José

        Bando de designer chato.

        A diferença aqui é irrelevante para o que ela disse. Não gostou, troca logomarca por logotipo e pronto. Ficam implicando com detalhes, leiam o todo, caramba.

        • Felipe Barcellos [VFD]

          Ok, José. Vamos ler o todo?

          Em linguagem de "caligrafia" "grega"? WTF?

          Não é porque "caligrafia" é formada por dois radicais gregos (kalli+grafia) que ela é uma referência a cultura grega!

          Porque afinal de contas os gregos são bem mais famosos pelas suas lindas letras feitas à pena e tinteiro. Bem mais do que os orientais com o sumiê…bem mais que a caligrafia árabe, chinesa, japonesa, indiana… NOT! Qualquer designer que se preze deve ter estudado História da Arte, ao menos um pouquinho, o que não parece ser o caso.

          Agora uma análise técnica.

          Ok, o logotipo, repito LOGOTIPO, não é de todo o mal. Possui uma identidade em suas formas. O kerning entre os caracteres está aceitável. Mas aquelas linhas "florais" no B simplesmente não funcionam. Explico:

          1: Não são florais. De longe lembram arabescos. Não é porque uma linha é sinuosa, pseudo-orgânica, que ela é "floral". Justificativa fajuta.

          2: Esse elemento vai ser MUITO prejudicado em aplicações em papel jornal por exemplo. Das duas uma, ou ele some ou ele vira uma linha borrada.

          3: Redução. Um logotipo tem a obrigação de funcionar nas mais diversas aplicações porque é pra isso que ele serve! Não consigo conceber uma redução mínima adequada para um elemento como esse. Ele vai desaparecer em tamanhos pequenos como em cartões de visita, assinaturas em patrocínio e qualquer aplicação pequena.

          Mas repito, o logotipo não é de todo o mal. Mas não é perfeito. Poderia ser bem melhor se tivesse tido um cuidado técnico adequado, por um profissional de design gráfico suficientemente competente.

          • Igor Abreu

            Você precisa aprender a se expressar melhor… muito confuso.

          • http://twitter.com/jackdzn @jackdzn

            Nossa Felipe, que especialista você é, arruma emprego de diretor de criação na FutureBrand então e ensina eles como se faz!

          • http://twitter.com/innuendoblues Julia

            Adoro esse argumento "Então vai lá e faz melhor". Não é como se a maioria das empresas contratasse por indicação, né? Nem como se não houvesse o direito de opinião entre as pessoas que estudam design…

          • http://www.vanner.com.br Eliezer Cardoso

            Ótima explanação. Concordo com você. A logo é pior que a anterior. Abraços.

          • Leonardo A. Dos Santos

            Finalmente apareceu alguém que sabe falar sobre design gráfico!!! Eu já estava sem esperança…

            Felipe, gostei de suas observações, de verdade, e concordo contigo.

          • glaucia

            Felipe, concordo totalmente. Tive a mesma opinião assim que vi a nova proposta de logotipo.

        • Visitante

          Concordo plenamente, ficar discutindo isso é muita coisa de designer que em vez de se preocupar no conteúdo da matéria fica se preocupando com detalhes ridículos.
          Sem comentários mesmo.

      • http://www.lucaslucasrocha.com Lucas Rocha

        Li 10 vezes esse comentário e não entendi… Se não sabe o que escrever, não escreva…

    • Igor

      E toma-lhe preciosismo.

    • Ricardo

      Gosto da empresa e de sua filosofia, mas a nova marca não faz valer toda essa sua história. Com esse design apresentado, definitivamente não evoluiu como deveria. Fico triste por ver que temos tantas empresas de design de Branding espalhada pelo Brasil capaz de fazer muito melhor que isso.
      Sucesso ao Boticário com a nova marca, pq vão precisar…..

    • http://www.facebook.com/felipestanque Felipe Stanque Machado Junior

      Resultado final verdadeiramente lamentável, na minha opinião.
      Uma mutilação tipográfica.
      Está quase perdendo a parada para o logotipo da concorrente "Akakia".

      Com estes "tipos" aí eu escreveria "cyborg", "android" ou "high tech".

      E os "florais" terão problemas com redução. Óbvio.
      Bordar os ditos florais com linha nos uniformes e recortar estes em plotter dará um trabalho danado! Em negativo terão que sofrer compensação p. não sumirem com "entupimento"…

      Aqui na tela estes fiozinhos já estão penando para serem vistos…

      =-O

    • Tião Morales

      Maurício. Não se prenda a detalhes. Comunicação é o que o outro entende, não o que você diz. Ela disse logomarca e você entendeu o que ela quis dizer. Ótimo, tá certinho então.

      • http://www.facebook.com/people/Guilherme-Appolinário/1740565558 Guilherme Appolinário

        Exatamente, Tião. Muitos se prendem à essa ridícula briguinha. É como brigar ferrenhamente sobre se assobiar é com b ou com v.

        O próprio Petit, que é algo respeitável na publicidade e áreas relacionadas, comenta sobre isso eu sem livro "Faça Logo Uma Marca|.

      • http://www.behance.net/diogoseibert Diogo Seibert

        É bem isso!! Ta corretíssimo Tião.

    • hugoleo

      leia livros DE design e você via ver um monte deles com logomarca escrito. Isso não é mais um erro cara…

      • Gilberto

        Uma vez errado, errado será. Junção de palavras que não fazem sentido enquanto juntas. Eu sei, para a ignorância não há limites.

    • http://www.ifd.com.br/blog Iris | IFD

      Nao tinha lido os comentarios, agorinha vi o seu e twittei algo bem parecido no meu twitter ( @ifd) … Desculpe a quem fez a materia mas no "logomarca" perdi o T de ler o resto!

    • http://www.diegofersan.com Diego Fersan

      Vou quebrar seus sonhos e os sonhos de quem mais concordar com você. Logomarca está certo. Carolina Vigna-Marú explica muito bem nesse post: http://www.revistawide.com.br/index.php/logomarca

      Abraço criançada.

      • http://twitter.com/dyoguera @dyoguera

        Pow Diego, não vão quebrar meu sonho por causa desse post fraquinho aí! ohohieuahia

    • rodx
    • http://www.facebook.com/people/Camila-Mariusso/100001877229659 Camila Mariusso

      Concordo completamente.

  • http://www.flickr.com/matheus_corseuil Matheus Corseuil

    O arabesco do "B" trás beleza…através da linguagem grega…..agora pergunto….fica implícito isso? E outra nas formas de aplicação, o formato mínimo de aplicação desse "B" como fica? Creio que quando falamos em rebranding, devemos analisar os pontos fortes e fracos da marca……sempre que lembrava de O Boticário eu lembrava do verde e da curva embaixo da marca….agora, os arabescos terão o mesmo poder de fixação no consumidor?

    • Rafael Miranda

      A curva verde só ficou na cabeça do consumidor pq ela voi vista e revista pelo mesmo por muito tempo. Nada que um bom trabalho de marketing e tempo não resolvam. As pessoas se limitam demais e impõe muitos problemas para sair da zona de conforto.
      Esta marca nova condiz muito mais com o tempo em que vivemos e com o público da boticário atualmente do que o antigo.

      O povo gosta muito de reclamar. Mas coragem para ousar e inovar são pra poucos. Por isso que há muito escritório de fundo de quintal fazendo arroz com feijão e poucas Futurebrands da vida.

      • Daniel Eis

        Ainda sim não se pode ignorar essa fato.
        O fato das cores estarem na moda não quer dizer que você tem que sair usando as mesmas.

    • Alexandre

      Não sou entendido de design de logos e etc, mas após um tempo me acostumei com esse novo logo. Para mim é como aquele carro que mudou tudo e você acha extremamente estranho, mas depois passa a gostar. Quanto ao logo anterior a esse "rebrand" do O Boticario, foi criado em 2006, e antes da curva vinha aquele logo retangular que perdurou por anos. Esse reposicionamento vem logo após a criação da nova marca Eudora, do Grupo Boticário, que provavelmente motivou essa mudança de padrão para não perder competitividade perante a uma marca da mesma Holding.

  • http://twitter.com/jrsouza83 @jrsouza83

    Dessa vez me contive antes de ser um dos muitos a "espinafrar" a mesma.
    Deixa o susto passar, depois vc olha com frieza e acaba achando os pontos citados na entrevista. E como dito na mesma, o que tem de gente usando o mesmo esquema da antiga logo no mercado é assustador. Então na mais justo que o belo trabalho acima.
    Parabéns, ficou bom, aplicável em qualquer situação, como um bom logo deve ser.

  • http://byaugusto.blogspot.com/ Augusto César

    As cores realmente são muito fortes, acho q não combinou mto com a marca. Quanto ao logo, eu gostei, achei diferente e moderno.

  • http://www.facebook.com/allan.mds Allan Marcel

    Putz as respostas começam com "A LOGOMARCA".

    Bem o LOGOTIPO aplicado em positivo, preto sobre cores ficou muito bom, mas os demais tons cromáticos em escala sobrepostos ainda me estranham. Mas por se tratar de uma marca que tem muitos produtos acho interessante essa paleta variada de cores.

    Sobre a tipografia, os elementos "florais" não sei até onde funcionam em aplicação, pois podem se perder dependendo do tamanho da aplicação.

    A tipografia que antes era mais sutil e elegante ficou um pouco quadrada, não sou o público alvo da marca, então não sei se realmente irá transmitir todo o conceito apontado pela Gerente de marketing Katya Hochleiner ao público.

    Agora é testar a marca com o público alvo pra ver se o projeto funciona.

    Abraços.

  • Crackinho

    Acho que a questão de modernizar a marca passou um pouco das espectativas, ficou rude. Usar apenas uma lembrança de caligrafia não suavizou e nem lembra beleza por que a tipologia é pesada. Não é orgânica e nem confortável olhando para o espaçamento, e o "r" lembra muito o da Natura. Enfim, não gosto da evolução.

    • Fernando C. Fox

      Cara, pensei que só eu tinha essa sisma com a tipografia ser prima-irmã do logo da Natura. Ufa!

      Tanto a letra "R" quanto a "T" são muito parecidas. Na minha opinião esse rebranding foi desnecessário, começa a desvituar o significado de o Boticário e cai no meio comum. Embora o primeiro logotipo seja um tanto antiquado, ainda é meu preferido. Certas marcas deveriam manter a tradição em seu dna.

  • http://www.facebook.com/willianmota Willian Mota

    Gostei, achei digamos, moderno e destaca muito o B. As cores também são fortes.

  • http://www.dontskip.com dontskip

    Eu até gosto da paleta. Choca porque o Boticário sempre foi aquele verde com branco, mas as novas cores trazem mais vida. Algumas das combinações só que não curti muito. Também ficou mais atual, com uma cara de Acessorize, rs.
    Agora esses arabescos não ne descem

    • Glatus

      é, eu não gostei do preto.

    • http://twitter.com/pedrovidal86 @pedrovidal86

      Os arabescos desvalorizam a marca, não ficou caligráfico…
      é ousada (e bem vinda) a variação das cores, algumas combinações certamente se destarão e outras serão esquecidas.
      O tipo é leve e. acredito, foi bem escolhido, já que eles querem se aproximar do público feminino. Só não entendo pq não derrubaram o artigo masculino e ficaram só com "Boticário". A meu ver, este "O", além de masculino, afasta o público ao invés de se integrar a ele.

      No final das contas, acredito que dentro de dois anos todos gostarão da marca e se perguntarão como ela podia ser tão dura antes!

      Parabéns Future.

  • http://www.maiconweb.com Maicon Sobczak

    Ficou legal. Bem melhor que a anterior. A tipografia ficou moderna e o arabesco trás algo mais artístico e delicado.

  • http://twitter.com/gorem8 @gorem8

    Logo não vem com manual de instrução para o consumidor ler.

    • Daniel Eis

      Hahahahahaah era só o que faltava. Imagina a vendedora colocando na sacolinha um mini manual explicando o significado da logo e o novo posicionamento da marca!

  • Guilherme

    Boticário virou só feminina agora?
    Realmente " logomarca" acaba com qualquer projeto………

  • Pedro

    A fonte eu achei bem interessante, uma boa substituição daquela linha horrível da anterior, que mais lembrava uma daquelas marcas feitas por "sobrinhos". Mas o arabesco acho dispensável, até porque na redução ele vai sumir e/ou atrapalhar a leitura, parecendo mais uma sujeira de impressão.

  • karina

    eu gostava bem mais do verde com branco. "clean" – poderia ser a nova logo, mas nas mesmas cores mesmo.

  • Karine A.Neves

    Eu gostei muito, principalmente das cores, pois deram vida e modernidade à uma marca que era pesada. As aplicações estão muito bonitas. Parabéns!

  • http://twitter.com/casssssio @casssssio

    concordo com tudo que ela disse, as cores são alegres (até demais) e o floral realmente traz feminilidade, que não existia antes.

    só não concordo com "logomarca"

  • Daniel

    "A logomarca quer transmitir beleza, alegria e sofisticação acessível. A logomarca anterior não entregava isso,.." Ahh não entregava??? acho q ela tá mal informada então…

  • Rony Saqqara

    Eu amo os textos que explicam o que uma marca transmite. É tão consistente quanto descrição de perfume. Só faltou dizer que é a marca do consumidor determinado que enfrenta os desafios em busca dos seus ideais.

    • http://twitter.com/eliezercardoso @eliezercardoso

      Só faltou dizer que tem toques amadeirados! Hahahahahahaha!

    • DyoGuêrA

      …O que se esperar de uma gerente que escreve "logomarca"?

  • Daniel Eis

    Eu realmente não achei que ficou bom.
    Alguém esqueceu de explicar pra gerente que fazer um rebranding é muito mais trabalhoso do que trocar a assinatura visual da marca. Não se pode simplesmente ignorar toda a historia que a empresa veio construindo com o tempo…como o nosso amigo "Matheus Corseuil" mesmo disse, como que milhões de pessoas que ja tiveram contato com a marca vão apagar de suas cabeças todo o relacionamento visual e emocional que tiveram com O Boticário???

    Eu mesmo achei que a identidade visual me parece muito mais como uma bagunça de sensações do que algo sofisticado e elegante.

  • http://www.agencia-up.com augusto velazquez

    Evolução e Modernização do Branding bem feita e com objetivos reais de atingir varejo e mercado.

    Me agradou muito.

  • Rogério De Castro

    “mauricio disse: Na boa…. gerente que escreve “logomarca” já nem merece que leiam o resto da justificativa.” Maurício, você disse tudo!

  • LOL

    "Logomarca não existe"
    Não fui eu que disse isso.

    • José

      Em seu livro O Efeito Multiplicador do Design, a designer Ana Luísa Escorel discute o termo "logomarca". Ela lembra que a palavra logos, vem do grego significando conhecimento e também palavra. E, embora a etimologia coloque como correlato mais apurado de logos em português os termos estudo ou lógica, a designer afirma que "logomarca" significa "palavra-marca" o que, na opinião dela, não faz sentido. Ela defende ainda que os brasileiros deveriam adotar os termos utilizados no resto do mundo.[1] Essa atitude, no entanto, parece não ser difundida entre muitos designers e não profissionais da área, que usam o termo "logomarca" por seu suposto caráter mais abrangente.

  • http://twitter.com/brunocloss @brunocloss

    Gosto pessoal, ou não, eu concordo com a defesa da Katya (apesar de ter chorado ao ler 'logomarca'). Eu (que não sou cliente) achava o logo d'O Boticário antigo monótono para os dias de hoje. Funcionava há uns 10 anos atrás, mas ao criar um logo devemos pensar em 10, 15 anos na frente. Se formos criar uma marca para agora, ano que vem ela estará defasada. O problema de pensar 'a frente do nosso tempo' é justamente a incerteza de que se futuramente vai funcionar ou não. Acredito que com o passar do tempo, o público alvo (que é o que importa para a marca) vai se acostumar com ela, e ao ver a antiga vão perceber o quão atualizada estará. Muita gente reclamou dos arabescos atrás do B. Mas acredito que é isso que dá a personalidade, leveza e diferenciação para este logo.

    Opiniões diferentes é o que mais tem. Mas é fato que existe um estudo complexo e muito penso por trás desse rebranding. Não é um selo criado em uma tarde. É um logo que vai figurar no mercado durante anos.

  • Sergio

    Arabescos duvidosos… mas a logo antiga é ultrapassada. Se o processo fosse invertido, ou seja, se estivessem sugerindo a antiga marca como nova proposta em detrimento da “arabesca”, aí sim a coisa seria esquisita, ou quem sabe grotesca.

  • http://ganhe.me Ganhe.me

    Ficou interessante

  • José Chrispiniano

    eu acho curioso que uma marca chamada boticário busque transmitir um logo modernoso…sou mais a Granado, que sabe ser tradicional e se coloca dessa forma! o verde trazia a ideia de Natureza…mas enfim, não sei o que eles querem construir com a nova marca, para onde eles querem levar a empresa, que público etc…enfim, ficou mais "moderna", mas mais vazia…

    • http://www.twitter.com/marinakcristo Marina

      concordo com vc, ficou moderna, mas deixou os valores que conhecemos.

    • Amanda

      A Granado que sabe ser tradicional não tem um quinto das vendas que o Boticário tem.
      Desculpa o choque de realidade, mas (salvo algumas excessões), não somos artistas. trabalhamos para uma empresa ganhar dinheiro.
      e Natureza é o território da Natura. o Boticário tinha mesmo que se diferenciar de outras marcas.

    • Dheyson Mattes

      Respeito seu ponto de vista, porém, não vejo razão para uma logomarca ficar justificando o nome com cor e formato, enfim, se o seu publico alvo não se identificar com ela, e como foi dito a logomarca não visa agradar os experts, e sim aqueles que "dão dinheiro a empresa", os seus consumidores. É justo o seu comentário: "eu acho curioso que uma marca chamada boticário busque transmitir um logo modernoso…" porém, as tendências mudam, e as empresas precisam acompanhar isso, ou elas desaparecem.

  • http://www.editmags.com Mayra Carvalho

    Gostei bastante do logo! Achei bem harmônico, moderno na medida certa e com ctz atrai o que ela mencionou, o "sofisticado acessível". Adorei principalmente a aplicação na sacola, com os ornamentos da letra B, e achei a explicação dela ótima.
    Ainda mais com a nova linha de maquiagem e comésticos, pessoalmente como mulher, essa nova marca me atrai muito mais.
    O verde institucional do logo passado, em relação à maquiagem, me passava uma sensação de "sujo". Grandes marcas internacionais, de make, perfume, tem logotipos bem modernos, abusando do 'less is more'. Gostei!

  • leandrokanis

    A explicação dela faz todo o sentido, mas acho que não alcançaram isso, principalmente no B.
    Mas, as aplicações ficaram bem legais.

  • Paulinho Moreira

    Cores – Ok
    Logo – Ruim

  • andré

    mas não é logomarca?

  • http://pereirashilton.blogspot.com Hilton P

    O novo é isso. Causa espanto, muda tudo, gera discussão. A logo me agrada muito. Se as pesquisas com as consumidoras da marca mostraram grande aceitação é isso o que vale. No mais, daqui um tempo os outros assimilarão calmamente esse novo desenho. Parabéns, o Boticário.

  • http://www.facebook.com/people/Andreas-Werner-Hahmann-Figge/621264388 Andreas Werner Hahmann Figge

    Eu gostei bastante… apesar de achar algumas combinações de cores bem estranhas, a maioria chegou no objetivo proposto. Concordo com o Rafael Miranda quado ele diz as pessoas se limitam e impõem muitos problemas para sair da zona de conforto.

    Eu acredito que as pessoas que não gostaram do novo logotipo o fizeram mais por gosto do que por tecnicalidades (salvo algumas exceções, sempre), dá para ver claramente que essa mudança não foi algo feito de um dia para o outro, existe estudo por trás disso e eu acredito que vai dar sucesso rs…

  • http://twitter.com/Danielzs @Danielzs

    Na onda das repercussões sobre o novo logo do Chrome, que estava sendo entregue na versão 11 beta, parece que o Google resolveu fazer uma regresson… O Chrome 12 Dev, lançado hoje, voltou com o logo antigo! Pessoalmente, eu acho que o logo do Chrome como está hoje tem muita informação visual e precisa mesmo de uma limpeza. O logotipo não traduz a simplicidade e leveza que são os maiores diferenciais do programa. Acho que hoje entre os browsers, o logo do Opera é o que se destaca, pela beleza e simplicidade do seu "O".

  • http://twitter.com/diegous @diegous

    Quando começou explicando "logomarca" já que a gerente de marketing não entende muito bem de conceito de branding. Eu gostei da nova assinatura, o que não gostei foi daquelas aplicações de cores saturadas.

  • Marina

    eu já consigo me imaginar passando na frente da loja toda colorida com o novo logo aplicado, bem como a idéia que ja tivemos nas sacolas e acredito que para o publico leigo vai funcionar sim (que é o que interessa, quem compra e não quem palpita sobre o logo hehehe). Eu mesma vi de primeira e achei uma bosta, depois comecei a entender e acredito que está se adequando sim a atualidade,

    o que define se um logo dá certo ou não é a aceitação do público, é o dia-a-dia e não nós chatos publicitários que ficamos vendo se o arabesco é fino demais ou não.

  • Fernando

    Me parece que o boticário perdeu completamente a noção, quando vi a logo pensei que esteva vendo uma brincadeira de mal gosto. Como leigo, acho que o preto nao caiu bem a grafia esta péssima e a combinação de cores mais sem sentido ainda . A única coisa que acertaram foi que ficou realmente diferente dos concorrentes e vai ficar porque ninguém vai segui-los.

    • Debora

      Fernando, diferente naquelas né? A tipografia é MUITO parecida com a Natura!

  • http://j.mp/LikaS11 Lika Miyuki

    A marca tá ok. Não tá a coisa mais inovadora que já vi na vida, mas cumpre seu papel. Só parece que a marca não agüenta muita redução – se tiver que aparecer em alguma coisa muito pequena, os arabescos somem completamente nas combinações de fundo rosa com tipografia amarela.

    Gostei da atitude de renovar as embalagens.

  • Maíra Scirea

    Achei o conceito ótimo, mas faltou unidade entre os elementos gráficos. Leveza e mais neutralidade na hora de unir a tipografia e o "floral"do B. Dá para melhorar.

  • http://www.mactutorial.com.br Alexandre Mello

    Eu não entendo nada, mas gostei da marca nova.

  • http://www.facebook.com/people/Flávio-de-Holanda/100000043083952 Flávio de Holanda

    gerente que escreve "logomarca" já nem merece que leiam o resto da justificativa (10)
    não que o logo esteja pior, mais né?!

  • http://henriqueathayde.wordpress.com Henrique Athayde

    As pessoas têm medo do novo, e depois que um fala que não gostou, todos parecem seguir o mesmo raciocínio. Todo identidade visual que for renovada vai sofrer esse primeiro baque. As pessoas custam a acreditar naquela mudança como uma mudança positiva.

    Acontece que o redesign não é feito somente de um novo desenho do logo. Envolve muitas outras coisas. É um reposicionamento da marca, um reposicionamento de mercado, que exige pesquisa e um desenvolvimento a longo prazo. Não comentei nada da logo até ver as aplicações. Tinha certeza de que as aplicações iriam surpreender e mostrar a verdadeira cara que O Boticário vai ganhar.

    Parabéns à equipe que desenvolveu o projeto e renovou uma marca, que, pelo menos para mim, andava bastante apagada no mercado, ultimamente.

    • http://twitter.com/jackdzn @jackdzn

      Isto aí galera chata, daqui uns anos vocês estarão felizes carregando esta sacolinha com a marca que hoje julgam não ser boa.
      Branding é muito mais que uma visão limitada da marca.
      E outra, gerente fala o que quiser, logotipo, logomarca, marca etc. NÓS DESIGNERS é que temos a obrigação de saber o termo correto!

    • rodx

      Finalmente alguém que sabe o que está falando!!

  • hypeness_combr

    E os gerentes de mkt tentando juntificar um logo feio. Porque não perguntaram para a empresa de design que deixou passar essa marca feia, vendendo para o cliente como bonita.

    As cores ok, mas o logo em sí, é antiquado e na minha opinião, feio. E o pior, mesmo que a maioria das pessoas achem ele feio, a Boticário nunca irá ouvir essas pessoas, como a GAP fez.

    Pra mim, deixou a marca com mais cara ainda de classe C-D

  • André

    outra cagada.

    povo tem q parar de mexer em logo. sempre fica pior. e daí uns anos resolvem ir back to basics e fazer uma reinvenção bem idêntica a um antigo. vide fiat.

  • Karla

    Eu, como consumidora e curiosa, adorei a mudança. O logo é bonito, tem classe e está mais bonito. As cores acompanham as tendências no mundo fashion.
    A gerente de marketing realmente entende do negócio, acertou e arrasou! Parabéns !!!!

  • Davi

    Quem deixou um pentelho cair na logo?

  • jonas

    'AI NAO DEVE FALAR LOGOMARCA… MIMIMI…." blerg
    a pessoa está trabalhando com uma das mais valiosas marcas do país. e voces vem criticar o vocabulo LOGOMARCA? por favor… ela tá ganhando um dinheirão…
    enquanto os "grandes designers" que comentam provavelmente devem ter no curriculo grandes marcas pra poder criticar assim, né não?

  • karla

    poe que meu comentário não é publicado?

  • http://www.dc10.com.br Anderson Viana

    Seria interessante que a agência apresentasse os outros modelos propostos, do logotipo, para sabermos se esse seria o melhor.

    A GAP fez, recentemente, o redesenho do seu tradicional logo e levou "bucha" dos fãns da marca.

  • Jose

    Por que não utilizar a palavra "Marca" que é curta e direta?
    Marca representa a expressão gráfica e/ou verbal de um indivíduo/companhia.
    Pode ser composta por símbolo, logotipo ou por ambos.
    Tenho dito…

  • http://www.lucassantos.com.br Lucas Santos

    só achei que não deu a leveza que deveria dar a produtos como os deles. As cores ficaram pesadas com o preto… dava pra dar mais sutileza… os florais não ajudaram muito… a marca ficou "pequena"…

  • http://cargocollective.com/fabioribeiro Fabio Ribeiro

    Concordo com o Fellipe Barcelos. O logotipo não é de todo ruim, mas os "arabescos" vão prejudicar as aplicações.

    Não gostei da fonte tmb e, com exceção da letra "a" , acho que lembra um pouca a fonte da Natura.

    Dava pra fazer melhor.

  • Valquíria Serpa

    Eu não sou tão profissional no assunto quanto os designers, pp's e etc, estudo adm focado em negócios/marketing e se, realmente a pesquisa foi feita com clientes, além do logo não ter ficado ótimo, a pesquisa também não foi das melhores né, vamos concordar. Sem contar que, como alguém já comentou por aí, a marca ficou alegre, mas muuuito feminina, eu acho. Tudo bem, o foco principal da marca é esse público e concorre de perto com Natura entre outras, porém fico na dúvida se houve REAL qualidade na escolha dos "entrevistados" e de quem produziu o logotipo(aprendi bem a diferença aqui).. e o departamento de marketing talvez, devesse ter analisado melhor a situação, não!? Acho que é isso que eu tenho a dizer…aaah, também não curti o preto como "consumidora" mesmo. ;x (twitter.com/valquiserpa)

  • thiago

    Sou homem, compro Boticário para ambos os sexos, e não vejo o logo como " feminino".
    Está elegante, classudo e mais legal que antes.
    Não sou publicitário e acho bobagem o pessoal pegar no pé da gerente, que fez um excelente trabalho, renovando a marca e proporcionando uma noma imagem ao Boticário. …na minha opinião….

    • Valquíria

      Na verdade, não é uma crítica a gerente em específico, mas aos departamentos de marketing que devem ser um pouco mais "exigentes" quanto as pesquisas de branding e etc. Já tive- talvez tenha ainda em algum lugar- o cartãozinho fidelidade deles, admito que não compro mais lá como antes(quase nunca ultimamente)..e acho que é super válido se reinventar/mudar, mas que deveria haver um certo cuidado " a mais" numa mudança tão brusca de logo da marca.. agora em relação a gerente, acho que ela se equivocou em dizer que fez pesquisa com "as consumidoras" podia ter dito que fez a pesquisa com clientes, pois homens também são consumidores da marca.. (talvez revele que realmente foi feito só com mulheres, o que dizer da pesquisa daí?!

  • http://helpdoscabelos.blogspot.com Diana Lee

    Como crítica, digo que o que me incomoda são algumas cores em que a marca está sendo aplicada. Esse BG rosa é bastante fail, entre outras cores quentes que compõem a cartela. Esse B ficaria infinitamente melhor sem esse detalhe, que não funciona bem quando reduzida para a aplicação em uma embalagem de batom por exemplo.

    Como consumidora, gostei da nova logo, ficou bem feminina e delicada. Porém, como dito por alguns, lembra a Natura. Acho até que esse detalhe no B foi justamente para tirar de foco a semelhança da tipografia entre as duas empresas.

    Esse negócio de ter uma caixa dentro de uma sacola eu acho desnecessário, apesar de delicado. A moda mesmo é a questão ambiental, e mesmo as caixas sendo de material reciclável, acho que duas embalagen para um produto são um exagero, além de que há as embalagens do próprio cosmético personalizado com o nome da linha.

  • Aline OS

    Gostei das novas cores e do logo, apesar desse floral na letra B que realmente não encaixa.
    Ficou mais fashion, mas certamente quebrou seu vínculo com a tradição e a aquela aura do começo, de Botica. Essa linha com cara de artesanal e vintage está sendo muito bem ocupada pela Granado e um tanto pela L'Occitane.
    Tem público para todas.

  • Marcelo

    O logotipo me agradou bastante.
    Senti vontade de ir até uma loja e comprar muitos produtos. É isso que importa: fiquei com vontade de comprar o produto!

  • Cris de Magalhães

    ZzZzZzZzZzZzZzZzZzZzZz…

  • Sandra Barros

    Acho que essa mudança e a opção por cores mais fortes e vivas, tem a ver com a ascensão e o crescente poder de consumo das classes CDE. A tal visão de futuro nada mais é do que focar nesse público, que consome cada vez mais os produtos d'O Boticário.

  • Cris de Magalhães

    Bando de chato… Daqui uns tempos vai chamar logoX ou logo[insira aqui o que vc quiser].
    O Boticário tá ganhando dinheiro… Ela tá ganhando dinheiro… Minha opinião é que ficou boa a logoXIS… Se for igual ao caso GAP, eles voltam atrás, mas é uma marca nacional no pais que todo mundo aceita engolir sapo de empresa grande, "meu véio"…

    Ao Blog: excelênte reportagem e perguntas bem formuladas! Muito bacana (sem sarcasmo ou ironia)! Já estou acompanhando a partir de hoje! Abraço!

  • Felipe

    Indiferente o que se diga aqui, eu quero ver os resultados no faturamento.
    Isso sim vai dizer a real aceitação ou não.

  • http://twitter.com/EduardoLeandro @EduardoLeandro

    Eu gostei. Pronto.

  • http://www.wcriativa.com.br Alessandro japweb

    Gostei, mas não amei. Se eu tivesse que comprar por marca, continuaria comprando Natura, que aliás a classe tipográfica já começa a caminhar para essa linha.. A "Rotis" da marca antiga também reflete os mesmos conceitos da marca atual. Enfim.. Vamos esperar para saber se o resultado será satisfatório ao público.

  • http://www.facebook.com/angeloserravalle Angelo Serravalle

    Uma identidade visual não deve precisar se explicada. Tem que ser auto-explicativa.

  • Claudia

    Gente, vamos prestar mais atenção, por favor!

    É irrelevante o fato de terem falado "logotipo" ou "logomarca". Vale lembrar que a estrevistada é a executiva de marketing do BOTICÁRIO! Ela não tem a mínima obrigação de saber isso!
    O que devemos levar em conta são as considerações da criação da marca.

  • http://twitter.com/ppublicitario @ppublicitario

    É Pessoal! Na intenção de fazer algo novo e marcante, tropeçamos no gosto de cada um! Sinceramente as cores são berrantes e descaracterizaram as linhas de produtos de oboticário, parecendo lançamento de uma nova marca com muito menor peso e domínio de mercado! Arabesco para dar movimento só no bloco de anotações ao lado do telefone e olha que sai cada coisa! Ficou parecido!
    Dar movimento? A marca já tinha movimento, apesar do design clássico, mas marcante e de certa forma cativante! Enfim… blá, blá e blá e não vai adiantar! Empresa contratada, serviço apresentado mais ou menos e infelizmente nossa caríssima marca paranaense descaracterizada! Que ver se tentarem mudar as embalagens dos produtos! Aí sim a barca vira de vez! Parabéns pelo trabalho, mas poderia ser melhor!

  • Bia

    Seria bom apenas se o título do post estivesse com o ‘por que’ certo: Separado, como manda o bom português no caso de início de pergunta.

  • http://www.facebook.com/flaviobr Paulino Flavio

    Se eu vesse a sacola no shopping, acharia que fosse de alguma loja de Bebe

  • paulo toledo

    "Nova" classe C meus caros, "nova" classe C.
    Vocês precisam rever seus conceitos.
    Vai uma dica: minimizem o uso de palavras em inglês, ou pelo menos coloquem a tradução.
    Tem muita gente ("Nova" classe C) que está chegando agora à internet e ainda não se acostumou com esses estrangeirismos.

  • Carolina

    O Boticário sempre lembrou de atender público feminino e masculino, bem como kids e teens. Eu particularmente quando pretendia comprar alguma fragância masculina, lembrava de O Boticário antes de qualquer outra opção. Pergunto: esta nova combinação de cores e arabescos vai conseguir remeter a imagem que desejam passar para os homens também???? Se a idéia fosse atingir somente as mulheres até que estaria bem dentro do contexto, mas como aparentemente querem mudar apenas a logo e nao a questão cultural da empresa, alguns detalhes poderiam ser melhor avaliados….

  • mariana

    O redesign da marca ficou excelente! Foi feito um trabalho excelente com uma equipe renomada, responsável e competente pra caralho… Parabéns a todos!

  • http://imoveis.buskmais.com.br/ Mauricio Salomão

    No principio achei estranho pois durante muitos anos o verde e branco era o tradicional da Boticario, mais analisando os depoimentos estas novas cores passam um ar de elegância e modernidade, gostei do novo logo também!

  • Marcelo G. Capocci

    Neste blog são postados diariamente varias coisas muito boas e inteligentes. Mas é ridiculo como é grande o numero de comentários/criticas/babaquices quando o post é sobre logomarca de alguem. É muito leviano querer criticar um logo analisando somente o resultado final. Ninguem aqui estava envolvido no processo. Mas isso acontece pq criticar um logo é muito mais facil do que criticar uma acão 360 né? Abraços.

  • http://www.domadesign.com.br Alexandre Doma

    Gostei! o logo funciona muito bem!

  • http://www.sandropavao.com Sandro Pavão

    Existe uma grande diferença entre "gostar" ou "ser necessário" quando falamos sobre marca. É importante entender que uma empresa que tem a sua marca muito procurada no mercado, precisa atualizar seu visual assim como acontece com as pessoas. Normalmente, as pessoas mudam, buscam, aceitam e estão sempre procurando "o novo", e se essas pessoas querem e precisam procurar algo novo, nada mais justo que uma empresa ofereça esse novo, e é isso que fez a Boticário.

  • Juliana Verna

    Como mulher, e não como publicitária, as novas cores são provocantes e por várias vezes quando entro em uma loja e deparo com esse tipo de cores, sinto um impulso forte de adquirir o que quer que seja que as tenha… mas isso é falando como consumidora, agora gostei da observação do Carlos Merigo, Porque não tentar fazer funcionar com aquela marca que já conhecemos? é "muito fácil" chegar numa empresa e propor um novo conceito, mas e trabalhar com aquele que já existe e fazer com que ele pareça novo e funcione como novo? Fica o desafio!

  • http://cronicasterraqueas.blogspot.com SergioRDG

    Até onde eu sei, e não sou designer, logomarca seria algo que "misturaria" uma logotipia com algum outro elemento, um símbolo, por exemplo. A partir do momento em que o B do Boticário pode ser, agora (antes não), utilizado solitariamente, ele se torna mais que um simples tipo, mas um símbolo, ainda mais com aqueles arabescos. Então, a partir de agora, acho que fica correto falar logomarca. Minha humilde opinião.

  • William

    Mudança muito inteligente. Acredito que qualquer produto de O Boticário seria um bom presente. Agora, com a embalagem nova, a expectativa aumenta, pois tira a obviedade do que há dentro da sacola. Assim, cada produto, assumidamente, tem a sua marca que completa o ciclo da expectativa e agrada.

  • Paulo

    Cansei desse papo de logotipo ou logomarca, cansei também da briga entre pessoas que usam Illustrator e Corel! Isso que não leva nossa profissão à lugar algum, só se sabem falar nisso.

  • Victória

    Sem querer ser chata, "logomarca" dói.

  • vinícius

    2X "LOGOMARCA ME CAIU OS BUTIÁS DO BOLSO.

  • vinícius

    na verdade, as variações com logotipos de aplicação cor sobre cor me lembraram os velhos aviões multicoloridos da Transbrasil.

  • http://davidreno.tumblr.com david renó

    merigo, uma dica para um post que pode ajudar a baixar um pouco o ânimo dos que patinam no mesmo argumento. http://wp.clicrbs.com.br/sualingua/2011/02/12/a-lhttp://wp.clicrbs.com.br/sualingua/2011/02/26/a-l

  • http://www.facebook.com/cahemuller Carlos Müller

    Podiam aproveitar o embalo e refazer o site. O lixo! Navegação e design horríveis!

  • Jackson

    Vejo uma marca de influencia do restart
    rsrsrsrs

    Logomarca num fode….

  • Jackson

    Bom
    Logomarca… um serio problema…
    Viu… mas errar é humano…

    Não vejo muitas das coisas na qual ela falou na marca… mas agora que ta uma marca Gritante isso ta…
    e não concordo mesmo com o redesign dessa marca (não pelo o que fizeram) e sim pois a marca Boticario
    ja é uma marca Internacionalmente conhecida… isso de certo modo pode trazer alguns prejuizos…
    mas… ja foi feito…

    Ponto Possitivo: Achei legal a sacola uma coisa que a boticario estava precisando….

    Obs:Na Letra B é um Floral???

    Tecnicamente um floral … não precisa ter flores?

    O que eu estou vendo ali é um linhal…Não um Floral

    Mas é isso ae!

  • irene

    Hum, não sei. Parece que ñ combina muito com a linha de produtos, pelo menos a que costumo comprar…
    Não gostei da combinação de cores. E tbém prefiro o Boticário verdinho de sempre, remete a Curitiba "verde" onde ele nasceu e tbém a uma preocupação com sustentabilidade…
    Mudanças são bem vindas porém devem respeitar a essencia da marca…

  • http://www.facebook.com/felipestanque Felipe Stanque Machado Junior

    Discussões deste tipo, repletas de opiniões de senso comum (salvo algumas com fundamento científico), é que dão um feedback super complexo e talvez confuso aos olhos de muitos profissionais de Adm. e Marketing (falo daqueles que não entendem de com. visual e desenho gráfico, claro) quando o assunto é branding.

  • http://www.mateusborja.com Mateus Borja

    Como publicitário, gostei do novo esforço de Marketing adotado pela Gerente Katya Hochleiner, renovando a marca e proporcionando uma noma imagem ao Boticário. Não sou especialista em Design, mas a nova proposta de marca, cores, paleta, formas, aplicações, para mim, estão muito boas.

  • Carla Piaggio

    A tipografia é boa. A troca do fio sinuoso pelo monograma é duvidosa. A paleta de cores destoa da marca, os contrastes são incompreensíveis e as embalagens simplórias…

  • Kassia

    Gostei das cores, vibrantes e bem atuais, só tenho dúvida de quanto tempo elas podem durar. A tipografia também está muito interessante, bem contemporânea, mas os arabescos são dispensáveis. Se eles queriam algum elemento a mais que a tipografia, talvez o desenvolvimento de um símbolo fosse mais apropriado (apesar da marca nuca ter usado). Os arabescos não passam informação nenhuma, parecem estar alí só para enfeitar.

  • nathália

    Está bem classe C. Nao é cafona nem luxuoso. Acertaram, meu povo, eeeeras! Concordo que eles deveriam ter investido nessa coisa ambiental de menos embalagem. Mas dá pra trabalhar as cores numa perspectiva ambiental, embora eu adorasse o verdinho com branco… beijos!

  • Marcos

    Gostei!

  • rafamn

    o post não tem graça, mas os comentários são hilários! uahuahauhauhua

  • claudio lopes

    Gostei da marca e acredito sim que é uma marca "No COLOR", pois com um 'color book" extenso deste niguem vai lembrar quais as cores da marca.

  • http://www.felipegoncalves.com.br Felipe Gonçalves

    Ao ler um publicitário falando esses termos em inglês que podem ser "perfeitamente translated né people"??

    eu desisto de ler o texto, sei que isso tem razão acadêmica, não tenho nada necessariamente contra Anglófonos mas poxa vida!! respondo à altura: WTF???

  • Sem nome

    hhahahahahahahahaha

    meu pai quando vê a propaganda da fanta, ele diz: que coisa sem nexo! e assim se extende por várias outras coisas que ele tem contato.

    Pra parar de ouvir repetidamente as reclamações, tive que dizer: pai, isso não foi feito pra você, é pra outro público! eles não estão querendo falar com você – kkk.

    Acho que a maioria das crianças que postaram comentários aqui precisam ler mais, conhecer mais e abrir mais a cabeça. Não vejo aqui "a criatividade do povo brasileiro", parecem sempre gostar das mesmas coisas e tem grande dificuldade em "ler" o novo, em compreender o seu espaço e o espaço em que vivem. Talvez por isso existam tantos idiotas por aí com o ego inflado "eu eu eu eu – pra mim – eu fiz – eu posso – eu tenho – eu faço – eu eu eu eu eu". Talvez por isso estamos entre umas das 5 maiores frotas de carros do mundo, sempre com os modelos anteriores aos vendidos na argentina, uruguai e porque não dizer, no restante do mundo. Como é difícil mudar e como é fácil escrever qualquer besteira e a maioria delas vem de homens, que obviamente não conseguem entender o universo feminino e ficam resmungando como meu pai. Crianças, quando sairem da aborrecência troquem o eu pelo nós e pensem em entender melhor o mundo a sua volta.

  • http://www.taut.com.br Marcos

    Achei feio. Não vi nada novo e sim um efeito retrô 60/70 seguindo exatamente o que está na moda agora, mas que em 2 anos passará. Como toda grande empresa, o Boticário vai ganhar pela insistência, o hábito de ver o logo todos os dias o tornará comum. Esse período de transição ainda causará estranheza, mas depois não fará diferença.

    Para concluir, logomarca não existe. O correto é LOGOTIPO.

  • Priscila Alcântara

    Tenho formação em Marketing, embora não trabalhe com isso hoje, sei o que vou dizer agora: Uma marca não necessita de justificativa e, se precisar, quem deve fornecê-la não é ninguém dessa área, que não costuma (de maneira geral) entender bem desse assunto, mas sim o designer ou a equipe de criação.
    O uso do preto é muito interessante. De forma geral é de fácil aplicação em várias mídias e transmite certa classe.
    Também gosto de tipografia "desenhada". Dá originalidade.
    A paleta é um pouco chocante e alguns contrastes simplesmente doem na vista. Para quem tem uma visão normal, o contraste, se não com preto, prejudica a visibilidade de marca. No entanto, funciona bem para os que tem alguma dificiência na percepção das cores.

  • Priscila Alcântara

    Os arabescos no "B" foram uma idéia legal, faz do com que a letra, se usada dissociada do restante da palavra já remeta à marca. Isso é muito importante num processo de branding. Não me preocuparia com a redução mínima, porque (pelo menos espero) o criador do projeto deve ter pensado num tamanho máximo de redução apropriado.
    Minha opinião pessoal e como designer é que os elementos da marca funcionam bem separados, mas quando usados todos juntos deixam a sensação de que falta alguma coisa.

  • flavia

    Só eu li isso?
    "…nova logo foi adorada pelas consumidoras…"
    Desvendado o mistério: o target é puramente feminino.
    Ou seja, consumidores de Malbec, o Boticario não pensaram em vocês… Sorry!